terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

115- PORQUE OS JAPONESES ESTÃO PERDENDO O DESEJO POR SEXO E POR MULHERES!



SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS MISTURADAS NO AMBIENTE E NOS PRODUTOS QUE CONSUMIMOS ESTÃO TENDO SUA COTA NA TENDÊNCIA  DA MASCULINIDADE DA ESPÉCIA HUMANA.
ESTE ARTIGO MOSTRA O COMPORTAMENTO DOS HOMENS PERDENDO O INTERESSE NAS MULHERES NO JAPÃO É UMA TENDÊNCIA MUNDIAL!

FONTE: http://www.anovaordemmundial.com/2014/04/homens-japoneses-desistindo-de-mulheres.html?m=1

"Herbívoros", uma nova categoria social no Japão do século XXI

Tóquio, 20 fev (EFE).- A crise, o pessimismo e a falta de comunicação são os motivos que levam cada vez mais rapazes japoneses a mostrarem indiferença com relação ao sexo e se dedicarem ao cuidado pessoal, algo que deu lugar a uma nova categoria social batizada de "herbívoros".

Segundo uma pesquisa do Ministério de Saúde japonês divulgada este ano, 21,5% dos homens entre 20 e 25 anos expressa indiferença ou aversão ao sexo, embora o número seja maior entre os adolescentes de 16 a 18 anos, grupo em que 36,1% não estão interessados em relações sexuais.

Os considerados "herbívoros" geralmente se interessam por moda, são menos competitivos em seus ambientes de trabalho, são mais apegados a suas mães e têm sempre problemas nos respectivos orçamentos.

Mas, sobretudo, não estão interessados em sair com mulheres, de acordo com Megumi Ushikubo, autora do livro "Soshokukei Danshi Olho-man Ga Nippon wo Kaeru" ("Os refinados homens herbívoros estão mudando o Japão").

Em um país com uma das taxas de natalidade mais baixas do planeta (1,3 filho por mulher) e que, além disso, envelhece rapidamente, este fenômeno social é preocupante frente a um futuro no qual os jovens não encontram as condições para desenvolver uma família.

De acordo com dados oficiais, em 2009, em meio à crise financeira, 1,78 milhão de japoneses - principalmente jovens - tinham empregos apenas em período parcial, número que parece seguir aumentando.
Estes jovens, que vivem uma situação de instabilidade trabalhista, ganham em torno de 2 milhões de ienes anualmente (17.656 euros), menos que a renda per capita de 31.414 euros que o país registrou em 2010.

Por outro lado, apenas 68,8% dos estudantes universitários que vão se formar em março tinham emprego assegurado no final do ano passado, um número alarmante em um país onde há pouco o cidadão podia assegurar o futuro de sua carreira com tranquilidade.

Diante deste panorama, os jovens "não têm a mesma confiança" que seus antecessores, que graças à sua estabilidade podiam comprar casas ou automóveis com vistas a formar uma família, disse à Agência EFE Renato Rivera, sociólogo especializado em estudos japoneses.

Atualmente, parte dos jovens não pode convidar as mulheres do país a um bom restaurante ou ao cinema, nem adquirir automóveis caros em um país tradicionalmente caracterizado pelo luxo. Sem deixar de ser consumidores, os "herbívoros" preferem comprar artigos de moda e cuidado pessoal.

Ainda fazem parte deste panorama as redes sociais virtuais e a proliferação dos telefones celulares, utilizados por quase todos os adolescentes para trocar mensagens de texto, em detrimento de uma comunicação direta verbal.

Para os especialistas, uma parte dos jovens japoneses parece ter entrado em um círculo vicioso e não socializa com mulheres por falta de recursos e por incapacidade de comunicar-se, portanto tornam-se mais introvertidos e se desinteressam pelo sexo.

"É como estar em uma dieta: de tanto deixar de comer, o apetite se reduz", avalia Rivera, professor da Universidade de Meiji, em Tóquio.

Para o sociólogo, os "herbívoros" se parecem um pouco com os "otakus" (fanáticos por mangás e animações), que passam a maior parte do tempo conectados a computadores e videogames.

A diferença, segundo Rivera, é que em geral os "otakus" são mais anti-sociais, têm interesse pelo sexo mas não pelas relações permanentes, e contam com maior poder aquisitivo, já que são eternos consumidores das novidades tecnológicas.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

114- Morrem três jornalistas que investigavam a participação dos EUA em demolição das Torres Gêmeas!


Três jornalistas que trabalhavam em um documentário sobre o envolvimento do governo norte-americano na demolição das torres gêmeas morreram nos últimos dias.

Por redação, com informações do Diário da Liberdade

Trata-se do ex-repórter internacional da NBC Ned Colt, o correspondente da CBS News Bob Simon, e o jornalista do New York Times David Carr.
Bob Simon, de 73 anos, foi assassinado na quarta-feira na cidade de Nova York em um acidente automobilístico e na quinta-feira Ned Colt, de 58 anos, dizia-se que tinha morrido por um derrame cerebral massivo, seguido em poucas horas por David Carr, de 58 anos, quem colapsou e morreu em seu escritório na sala de redação do New York Times.
Os três jornalistas mais Brian Willias, quem teve que renunciar à NBC por mentir sobre uma notícia do Iraque, tinham formado uma companhia independente de notícias em vídeo no mês passado e apresentaram os documentos de segurança necessários que lhes permitiriam o acesso ao arquivo mais secreto do Kremlin, onde se encontrariam provas relacionadas com os atentados de 11 de setembro de 2001.
Em relação a esses arquivos do 9/11 em poder do Kremlin, o presidente Putin tinha alertado que iria divulgá-los.
Os especialistas norte-americanos acham que, apesar do fato de as relações entre os EUA e a Rússia terem chegado no ponto mais grave desde a Guerra Fria, Putin entregou até Obama problemas menores. Os analistas acham que isto é só a "calma antes da tormenta".
Putin vai golpear e estaria preparando o lançamento de provas da participação do governo dos Estados Unidos e dos serviços de inteligência nos ataques do 11 de setembro.
O motivo para o engano e o assassinato de seus próprios cidadãos terá servido aos interesses petroleiros dos Estados Unidos no Médio Oriente e das suas empresas estatais.
A ponta de lança da empresa de notícias em vídeo independente que pretendia descobrir a verdade do 9/11 foi David Carr, quem no New York Times foi um valedor de Edward Snowden e após ter visto o documentário Citizenfour, tratou de ir dormir "mas não podia"
Carr estava seriamente desiludido com o New York Times pela elaboração da memória da guerra da Ucrânia "e não só por não dizer a verdade, mas também pelos emblemas nazistas nos capacetes de soldados leais ao regime da Ucrânia lutando contra os rebeldes".
Outro que trabalhava muito com Williams e Carr neste projeto do vídeo do 9/11, foi Ned Colt, quem após sair de NBC News continuava sendo um amigo de toda a vida de Williams e aperfeiçoou suas habilidades humanitárias enquanto trabalham no Comitê Internacional de Resgate. Por sua vez, Bob Simon considerava "extremamente lamentável" a manipulação dos meios de comunicação no período prévio à guerra dos Estados Unidos no Iraque.
Após a destruição da imagem de Williams, e a estranha morte de Carr, Colt e Simon, o regime de Obama enviou um "mensagem clara" à elite norte-americana quanto à exposição dos seus segredos mais obscuros.
Pior ainda, as elites dos meios nos EUA agora fogem de medo e o regime de Obama ameaça agora os meios de comunicação alternativos com ilegalizar todos os sites dissidentes.
Para isso tem uma escandalosa uma proposta legislativa de Ordem Fraternal da Policial Nacional para classificar qualquer crítica contra a policia nas redes sociais como um "crime de ódio".

113- REDE GLOBO COM DÍVIDA DE TRÊS BILHÕES DE REAIS!




Segundo empresa de auditoria no ramo financeiro, dívida da Rede Globo ultrapassa os três bilhões de reais

Por redação, texto por Romero

A astronômica dívida da Globo, segundo relatório da Price Waterhouse Coopers – Auditores Independentes, assinado por William J.N. Graham, no início de 2002 era de TRÊS BILHÕES, QUINHENTOS E OITENTA E TRÊS MILHÕES DE DÓLARES. Ou seja, mais de DEZ BILHÕES de reais. Onde as três maiores empresas devedoras são: Globopar, Globo Cabo, Net Sat, que representam cerca de 90% da dívida e onde aparece com destaque até a irresponsável e perdulária Editora Globo, de crônico e sistemático prejuízo, com cerca de 3% do total da dívida.
A única empresa da Rede Globo que, com muita dificuldade, poderia fazer frente a esta fabulosa dívida, e que é lucrativa de verdade, é a TV Globo. Entretanto, nem a TV Globo, com seus seiscentos milhões de dólares anuais, pouco ou nada poderia fazer para salvar o Império Globo da falência. Pois se dos seiscentos milhões de dólares a TV Globo reservar 120 milhões por ano, cerca de 20% (vinte por cento), para amortizar principal e juros, levaria mais de trinta anos para amortizar a fantástica dívida que sufoca e mata a Globo aos poucos.
Vale repetir, com recursos próprios é inimaginável a Globo saldar tão astronômica dívida. Só o governo, através do BNDES, Caixa Econômica, Banco do Brasil, Banco Central, fundos orçamentários e demais verbas públicas é que podem salvar a Globo da irremediável falência.
Mas como a Globo chegou a este ponto? A Globo não é competente?
Arrogância, burrice, arrogância, burrice, arrogância e administração ruinosa e irresponsável. Estes foram os fatores que levaram a Globo ao estado à beira da falência.
Gênios incompetentes de plantão, cujo único predicado é a arrogância, imaginaram um golpe “formidável” de dominar o Brasil inteiro pelo sistema de transmissão a cabo, sufocando e solapando, assim, os demais meios de comunicação do país.
Eu ri muito quando soube dos megalomaníacos planos da Globo, e disse que a Globo iria trabalhar com tecnologia ultrapassada (cabo) e que iria ficar com o cabo (?) preso no poste ao tentar cabear o Brasil inteiro nesta loucura que só um gênio incompetente, arrogante e irresponsável poderia imaginar.
Não deu outra. Foi o maior fracasso da história da televisão no mundo. Até mesmo Bill Gates, que num primeiro momento cogitou participar do empreendimento faraônico, quando viu a loucura que a Globo estava se metendo estacionou em 3% a sua participação e deixou a Globo se esborrachar sozinha neste delírio de faraó tupiniquim.
Encalacrada com uma fabulosa e irresponsável dívida para viabilizar o delírio do domínio do país e dos meios de comunicações pela tv a cabo, a Globo, correndo desesperadamente atrás de dinheiro, viu no BNDES a saída mais rápida e viável para a sua aflição. Mas como sempre com artifícios e ilegalidades, a começar pelo fato do BNDES não poder se relacionar com a Globo Cabo pois a legislação não permite associação do BNDES com empresa de telecomunicação. Mas ardilosamente, fraudulentamente, a Globo Cabo está registrada como empresa de tecnologia e não como empresa de telecomunicação, que de fato é.
Choveram denúncias e mais denúncias contra a participação do BNDES na operação para salvar a Globo da falência, e em meio a uma seara desordenada de denúncias e oposições à questão BNDES, o jornalista Hélio Fernandes, em 14/03/2002, na Tribuna de Imprensa foi categórico: “Deveriam ouvir Roméro Machado, que publicou o imperdível “Afundação Roberto Marinho”. Ali está contada de forma irrespondível, a força que a Organização sempre teve na Justiça”. E, de fato, numa seqüência de denúncias sérias e fundamentadas foi colocado nos meios de comunicação a impossibilidade e a ilegalidade da associação Globo / BNDES. E com isso a operação salvação da Globo foi parcialmente abortada. Mas é bom manter os olhos permanentemente abertos, pois a Globo continua com uma dívida impagável e o governo (federal, principalmente) vive sempre debaixo de muitos escândalos. E numa dessas a Globo faz o que sempre fez… negocia favores de salvação do PT em troca de sua própria salvação.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

111- ESQUECERAM DO SUMIÇO DO AVIÃO DA MALAYSIA AIRLINES, EU NÃO!




Blackstone e Jacob Rothschild, beneficiários no desaparecimento do voo da Malaysia Airlines?

A busca internacional do vôo desaparecido MH 370 mostrou que Washington foi capaz de controlar a aeronave muito além do que admitiu até agora e que esperou uma semana antes de revelar o que sabia. A pesquisa mostrou também que a China não possui os portos de reabastecimento para implantar sua Marinha em uma área tão grande. Mas, além da notícia e das respectivas capacidades estratégicas que trouxe à luz, este desaparecimento enigmático tem feito pelo menos algumas pessoas felizes: Blackstone e Jacob Rothschild.


+
JPEG - 23 kb
Jacob Rothschild, Presidente do RIT Capital Partners e membro do Conselho Consultivo da Blackstone. Ele também atua como presidente honorário do Instituto de Pesquisa de Política Judaica.
No mundo tripolar geoestratégico pós-Crimeia dos EUA, Rússia e China, é imperativo testar a esmagadora campanha de notícias disinformativas do Ocidente contra os relatórios quase indispensáveis da multimídia do governo russo no site Russia Today (ver páginas publicadas em 22/03/14).
Como muitas vezes acontece em misteriosos "acidentes", o desaparecimento incomum do vôo MH 370 da Malaysia Airlines – cujas várias explicações falharam totalmente em satisfazer a qualquer um, menos ainda as pessoas chinesas afetadas – tem dado origem a inúmeras especulações, algumas um pouco selvagens e perturbadoras.
Enquanto a guerra das sanções pelos Estados Unidos e União Europeia contra Vladimir Putin estava no auge, a Russia Today escreveu em um artigo convincente que, quatro dias após o desaparecimento do vôo MH 370, uma patente para um semicondutor foi aprovada pelo Escritório de Patentes dos Estados Unidos [semiconductor: sólido cristalino de condutividade elétrica intermediária entre condutores e isolantes; pode ser tratado quimicamente para transmitir e controlar uma corrente elétrica - nt]. Teria uma guerra de patente sido desencadeada?
JPEG - 36.6 kb
De acordo com a Russia Today, o titular da patente do semicondutor é Jacob Rothschild, da dinastia controversa e muito-legendária de banqueiros.
A patente foi partilhada entre os cinco principais titulares, cabendo 20% a cada um: Freescale Semiconductor Company, localizada em Austin, Texas, com os outros quatro titulares sendo cidadãos chineses vindos da cidade chinesa de Suzhou, todos trabalhando para a companhia e a bordo do avião, juntamente com 16 outros funcionários dessa mesma empresa.
O jornal russo assinalou que se qualquer titular da patente morresse, os outros proprietários compartilhariam igualmente os dividendos do falecido, desde que o testamento não fosse contestado.
Com o desaparecimento ou assassinato dos quatro titulares chineses da patente, tem-se agora 100% da posse da patente nas mãos da Freescale Semiconductor Company baseada no Texas, que, por sua vez, parcialmente pertence ao sombrio Blackstone Group, uma firma nova-iorquina de investmento bancário e participações privadas de propriedade do banqueiro israelense-britânico Jacob Rothschild [1].
JPEG - 21.3 kb
Os inventores e os aplicantes eram os quatro chineses desaparecidos e o recipiente não é outro senão a Freescale Semiconductor. Que sorte!
Ênfase seja colocada sobre a identidade invisível da Blackstone, sua interconexão com a BlackRock e sua parceria com a Evercore Partnership que, coincidentemente, está por trás da privatização da PEMEX (Companhia de Petróleo Mexicano) [2].
JPEG - 21.3 kb
Verifica-se que a Blackstone gerou a BlackRock, que é comandada pelo cidadão de dupla nacionalidade, EUA-Israel, Larry Fink [3]. Além da interconectividade em escalões superiores entre, por um lado, Blackstone, BlackRock, Rothschild, George Soros, Scotiabank, Evercore Partnership, Protego e, por outro lado, Kissinger Associates e o polêmico grupo segurador AIG, cujo presidente é Maurice Hank Greenberg, outro cidadão de dupla nacionalidade, EUA-Israel, a identidade corporativa da Freescale Semiconductor justifica uma detalhada investigação.
Igualmente intrigante é que, entre os 239 passageiros, 20 eram funcionários do Pentágono, além do fato de que quatro dos passageiros estavam usando passaportes duvidosos.
Além das especulações inevitáveis, o que é relevante é que esses 20 funcionários do Pentágono eram provavelmente bem versados na arte da guerra eletrônica, tais como a evasão em matéria de detecção por sistemas de radar militares [4].
Um fato curioso também é que 20 dos passageiros desaparecidos a bordo do voo 370 eram empregados da Freescale Semiconductor, 12 originários da Malásia e 8 da China.
A Freescale Semiconductor vangloria-se de que seus dispositivos têm uma vasta gama de aplicações em comunicações no campo de batalha, em aviação, mísseis guiados, guerra eletrônica e identificação de amigo ou inimigo.
A controversa empresa em questão do Texas é uma das primeiras em semicondutores desse tipo no mundo, tendo começado como uma divisão da Motorola, a qual foi adquirida em 2006 por Blackstone, Grupo Carlyle e TPG Sovereign Capital.
O Grupo Carlyle encarna o nepotismo dinástico da família Bush e seus amigos Frank Carlucci (antigo Conselheiro de Segurança Nacional e ex-Secretário do Pentágono) e antigo primeiro-ministro britânico John Major [5], cujo representante no México é o controverso Luis Téllez Kuenzler, agora no comando da Bolsa de Valores, onde um número de estranhas interferências em preços de ações têm ocorrido.
A TPG Capital é uma poderosa empresa de investimento baseada em Fort Worth, Texas, presidida pelo americano-israelense David Bonderman cujos excessos extravagantes incluem pagar US$ 7 milhões para os Rolling Stones para comemorar seu aniversário de 60 anos, em 2002.
A Freescale Semiconductor é especializada em guerra eletrônica e tecnologia stealth ("manto"), utilizando estratégias de contramedida eletrônicas (ECM) aplicadas a radares: 1) interferência de radar; 2) mudança de destino, e 3) alteração das propriedades de energia elétrica do ar.
De acordo com o The Daily Beast, um ataque israelense ao Irã com o uso dessa tecnologia seria melhor do que ataques aéreos e provavelmente desencadearia uma guerra eletrônica contra todo o sistema elétrico do Irã: a Internet, as redes móvel e celular, e as frequências de emergência para os bombeiros e policiais.
O The Daily Beast afirma ainda que Israel desenvolveu uma arma capaz de imitar sinais de manutenção de celular, os quais efetivamente impedem as transmissões [6]. Na última década, Israel acumulou uma vasta gama de armas de alta tecnologia valendo bilhões de dólares que lhe permitem danificar, cegar e ensurdecer as defesas de Teerã, no caso de um ataque aéreo preventivo.
Melhor ainda: há uma nova tecnologia stealth que torna a aeronave invisível ao radar e a esconde do olho humano, enquanto a camuflagem de alta tecnologia pode criar campos eletromagnéticos, como discutido em military.com [7].
A China acusou os Estados Unidos de uma escalada em ataques piratas [8], ao mesmo tempo em que Pequim e Washington estão em uma corrida armamentista em tecnologia de camuflagem para fazer aviões invisíveis.
Apoderosa companhia militar britânica BAE Sistems-ligada à NSA, DHS e ao sinistro Wilson Center e implicada no fétido escândalo de Al-Yamamah- é dona da firma Adaptiv Program, fundada na Suécia, outra empresa especializada em tecnologia de camuflagem projetada para esconder veículos a motor, estendendo-se a barcos e helicópteros.
Será que vamos ver por tráz da caixa preta do vôo MH 370 as maquinações do sombrio financeiro Blackstone/rothschild BlackRock?



 Lee Hamilton, Presidente do Wilson Center. Este antigo congressista democrata resgatou Ronald Reagan do desastre político durante o escândalo Irã-Contras. No ano 2000, ele contribuiu para forjar o conceito colonial de "responsabilidade de proteger". Ele foi co-presidente da Comissão Presidencial de Inquérito sobre o 11 de Setembro que desviou a atenção do golpe, incidindo apenas sobre os ataques. Em 2006, ele foi co-presidente da Comissão Baker-Hamilton, que decidiu o corte militar no Oriente Médio.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

110- SAMSUNG DIZ QUE SUAS TV PODEM DENUNCIAR OS DONOS!



A TV QUE TE DENUNCIA!


 Samsung adverte: Cuidado com o que você diz em frente a sua TV inteligente

Fabricante alerta consumidores de que televisão pode gravar conversas próximas e transmitir diálogos a terceiros

por
/ Atualizado




 
 
Função de reconhecimento de voz pode ser ativada ou desativada nas smart TVs da Samsung - Andrey Rudakov / Bloomberg
RIO — A frase “silêncio, estou assistindo TV” ganhou novo significado com os modernos televisores com função de reconhecimento de voz. Em vez de atrapalhar o entendimento dos programas, o temor agora é que a TV esteja espionando os lares. A própria Samsung, na política de privacidade da companhia, alerta para o risco de captura e transmissão de dados sensíveis para terceiros caso a função esteja ligada.
“Por favor, esteja ciente que se suas palavras incluírem dados pessoais ou outras informações sensíveis, essa informação estará entre os dados capturados e transmitidos para terceiros pelo uso do reconhecimento de voz”, diz a Samsung.
O reconhecimento de voz está presente nos modelos mais recentes de smart TVs da fabricante sul-coreana. Em vez de usar o controle remoto, o espectador pode controlar o aparelho apenas pela voz. Para isso, basta ligar a função e conectar o televisor à internet.
“Para fornecer a função de reconhecimento de voz, alguns comandos de voz poderão ser transmitidos para um serviço de terceiros, que converte fala para texto ou para a extensão necessária para a função”, diz a companhia.
A informação foi divulgada primeiramente pela revista “Daily Beast”. Após a publicação da matéria, a Samsung divulgou comunicado dizendo que “leva a privacidade dos consumidores muito a sério”. De acordo com a fabricante, os televisores da marca empregam “práticas e salvaguardas de segurança padrão na indústria, incluindo a encriptação dos dados”.
“O reconhecimento de voz, que permite aos usuário comandar a TV usando comandos de voz, é uma função da Smart TV, que pode ser ativada ou desativada pelo usuário. O dono da TV também pode desconectar o aparelho da rede Wi-Fi”.
A Samsung não é a primeira companhia a enfrentar críticas por causa da coleta de dados dos usuários. Em 2013, consultores encontraram que televisores da LG estava capturando informações sobre os hábitos dos espectadores. A companhia criou uma atualização que permitia aos usuários desligar a coleta, caso não quisessem compartilhar as informações.

OPINIÃO ANDRÉ DE MORAES:

Assim como foi no filme de George Orwell está acontecendo hoje em nossas casas. Muitos que achavam que isso era impossível, ou que chegaria daqui a 100 anos, pode se lamentar pelo erro de cálculo e pela descrença!
Se bem que esse espião passivo já está em nosso meio há bem mais tempo do que imaginamos como os celulares, os computadores, os palms etc...
Sei que os senhores desse mundo tem uma ficha bem detalhada de cada um de nós e atacará quando achar necessário! Não vamos perder a liberdade, já a perdemos, só não sabemos ainda (ou a maioria não sabe).
  
 

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

109- UM CENÁRIO APOCALIPTICO ESTÁ POR VIR: A QUEDA DA ECONOMIA GLOBAL!


Opinião ANDRÉ DE MORAES:

Um cenário apocalíptico está por acontecer me breve, e quando falo "apocalíptico" é exatamente "apocalíptico"!
Vou explicar melhor mencionando uma passagem no livro de Apocalípse 18:9-20:

"E os reis (presidentes) da terra, que fornicaram com ela, e viveram em delícias, a chorarão, e sobre ela prantearão, quando virem a fumaça do seu incêndio;
Estando de longe pelo temor do seu tormento, dizendo: Ai! ai daquela grande cidade de Babilônia, aquela forte cidade! pois em uma hora veio o seu juízo.
E sobre ela choram e lamentam os mercadores (comerciantes) da terra; porque ninguém mais compra as suas mercadorias:
Mercadorias de ouro, e de prata, e de pedras preciosas, e de pérolas, e de linho fino, e de púrpura, e de seda, e de escarlata; e toda a madeira odorífera, e todo o vaso de marfim, e todo o vaso de madeira preciosíssima, de bronze e de ferro, e de mármore; e carros, e corpos e almas de homens.
E o fruto do desejo da tua alma foi-se de ti; e todas as coisas gostosas e excelentes se foram de ti, e não mais as acharás.
Os mercadores destas coisas, que dela se enriqueceram, estarão de longe, pelo temor do seu tormento, chorando e lamentando,
E dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! que estava vestida de linho fino, de púrpura, de vermelho; e adornada com ouro e pedras preciosas e pérolas! porque numa hora foram assoladas tantas riquezas.
E todo piloto, e todo o que navega em navios, e todo marinheiro, e todos os que negociam no mar se puseram de longe;
E, vendo a fumaça do seu incêndio, clamaram, dizendo: Que cidade é semelhante a esta grande cidade?
E lançaram pó sobre as suas cabeças, e clamaram, chorando, e lamentando, e dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! na qual todos os que tinham navios no mar se enriqueceram em razão da sua opulência; porque numa hora foi assolada.
Alegra-te sobre ela, ó céu, e vós, santos apóstolos e profetas; porque já Deus julgou a vossa causa quanto a ela"



E os reis da terra, que fornicaram com ela, e viveram em delícias, a chorarão, e sobre ela prantearão, quando virem a fumaça do seu incêndio;
Estando de longe pelo temor do seu tormento, dizendo: Ai! ai daquela grande cidade de Babilônia, aquela forte cidade! pois em uma hora veio o seu juízo.
E sobre ela choram e lamentam os mercadores da terra; porque ninguém mais compra as suas mercadorias:
Mercadorias de ouro, e de prata, e de pedras preciosas, e de pérolas, e de linho fino, e de púrpura, e de seda, e de escarlata; e toda a madeira odorífera, e todo o vaso de marfim, e todo o vaso de madeira preciosíssima, de bronze e de ferro, e de mármore;
E canela, e perfume, e mirra, e incenso, e vinho, e azeite, e flor de farinha, e trigo, e gado, e ovelhas; e cavalos, e carros, e corpos e almas de homens.
E o fruto do desejo da tua alma foi-se de ti; e todas as coisas gostosas e excelentes se foram de ti, e não mais as acharás.
Os mercadores destas coisas, que dela se enriqueceram, estarão de longe, pelo temor do seu tormento, chorando e lamentando,
E dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! que estava vestida de linho fino, de púrpura, de escarlata; e adornada com ouro e pedras preciosas e pérolas! porque numa hora foram assoladas tantas riquezas.
E todo piloto, e todo o que navega em naus, e todo marinheiro, e todos os que negociam no mar se puseram de longe;
E, vendo a fumaça do seu incêndio, clamaram, dizendo: Que cidade é semelhante a esta grande cidade?
E lançaram pó sobre as suas cabeças, e clamaram, chorando, e lamentando, e dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! na qual todos os que tinham naus no mar se enriqueceram em razão da sua opulência; porque numa hora foi assolada.
Alegra-te sobre ela, ó céu, e vós, santos apóstolos e profetas; porque já Deus julgou a vossa causa quanto a ela.

Apocalipse 18:9-20
E os reis da terra, que fornicaram com ela, e viveram em delícias, a chorarão, e sobre ela prantearão, quando virem a fumaça do seu incêndio;
Estando de longe pelo temor do seu tormento, dizendo: Ai! ai daquela grande cidade de Babilônia, aquela forte cidade! pois em uma hora veio o seu juízo.
E sobre ela choram e lamentam os mercadores da terra; porque ninguém mais compra as suas mercadorias:
Mercadorias de ouro, e de prata, e de pedras preciosas, e de pérolas, e de linho fino, e de púrpura, e de seda, e de escarlata; e toda a madeira odorífera, e todo o vaso de marfim, e todo o vaso de madeira preciosíssima, de bronze e de ferro, e de mármore;
E canela, e perfume, e mirra, e incenso, e vinho, e azeite, e flor de farinha, e trigo, e gado, e ovelhas; e cavalos, e carros, e corpos e almas de homens.
E o fruto do desejo da tua alma foi-se de ti; e todas as coisas gostosas e excelentes se foram de ti, e não mais as acharás.
Os mercadores destas coisas, que dela se enriqueceram, estarão de longe, pelo temor do seu tormento, chorando e lamentando,
E dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! que estava vestida de linho fino, de púrpura, de escarlata; e adornada com ouro e pedras preciosas e pérolas! porque numa hora foram assoladas tantas riquezas.
E todo piloto, e todo o que navega em naus, e todo marinheiro, e todos os que negociam no mar se puseram de longe;
E, vendo a fumaça do seu incêndio, clamaram, dizendo: Que cidade é semelhante a esta grande cidade?
E lançaram pó sobre as suas cabeças, e clamaram, chorando, e lamentando, e dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! na qual todos os que tinham naus no mar se enriqueceram em razão da sua opulência; porque numa hora foi assolada.
Alegra-te sobre ela, ó céu, e vós, santos apóstolos e profetas; porque já Deus julgou a vossa causa quanto a ela.

Apocalipse 18:9-20
 Não existe nada melhor para comprovar as profecias bíblicas do que olhando para a situação do mundo em que vivemos. E se você prestar atenção nos noticiários, verá que estamos nos encaminhando para um grande desastre econômico mundial que jogará toda a humanidade para um das piores época da humanidade! Só não será pior do que a maior que virá, consequente dessa: A Grande Tribulação!
O meu conselho à todos é que se preparem e economizem tudo o que puderem para poderem passar por essa época tão terrível, que da visão profética bíblica, morrerão milhões de pessoas em todo o mundo e nos forçará entrar para uma NOVA ORDEM MUNDIAL, que nos apresentará um novo governo mundial: o ANTICRISTO!

PREPAREM-SE PARA O PIOR! 


Analista Financeiro: Se Aproxima o Estouro da Bolha da Dívida

Aqueles que prestam atenção a evolução da economia global e ambiente geopolítico intuem que algo muito grave está acontecendo.

A Rússia está imersa atualmente em um dos maiores esforços de militarização da história mundial.

Com as sansões econômicas impostas pelo ocidente provocando graves danos em sua economia, é somente uma questão de tempo, como muitos analistas sugerem, que os conflitos regionais na Europa e no Oriente Médio se tornem globais.

Recursos como o petróleo, estão sendo utilizados como uma arma econômica para atacar a determinados países, algo que explica o porque os preços tem caído drasticamente no últimos doze meses; e a isso devemos adicionar a crescente guerra cambial.

Nos EUA a Federal Reserve tem impresso milhares de milhões de dólares em um esforço para manter a economia à tona. Mas os últimos dados do varejo e as vendas de casas nos EUA demonstram que a pretendida recuperação econômica é uma farsa, enquanto dezenas de milhões de americanos continuam sem trabalho e dependem da ajuda do governo para sobreviver.

E não se esqueça que dívida nacional dos EUA alcançou a monstruosa cifra de 18 bilhões de dólares...




Como disse o analista financeiro, Greg Mannarino, em sua entrevista ao "Greg Hunter´s USA Watchdog", os EUA estão tentando desesperadamente sustentar a economia com propaganda e maquinações.

Greg Mannarino

Se Mannarino está correto em suas avaliações, então poderíamos estar nos aproximando de uma calamidade sem precedentes.

Esta é uma transcrição de suas palavras nesta entrevista:

Para mim está claro: o que os bancos centrais estão fazendo significa que estão absolutamente desesperados.

E isto significa também que, estamos muito, muito próximos de acontecer um "grande evento".

Acredito que os bancos centrais vão fazer coisas que nem sequer podemos ainda conceber.

Eles vão causar surpresas que impactarão as pessoas e uma delas, por exemplo, é a que o Obama acaba de fazer a respeito da reforma migratória. Este mecanismo somente pretende sustentar o dólar. Essa é a explicação real do assunto.

As pessoas tem que entender... tudo gira em torno de um modelo econômico baseado na dívida.

Para que este mecanismo funcione, mais e mais motivos para pedir dinheiro emprestado para o sistema são obrigatórios.

A premissa principal é que não se pode parar.

Todo este mecanismo de empréstimo de dinheiro é tão vil e tão penetrante que quando for reduzido, quando a bolha da dívida estourar, se perderão muitas vidas. 

Esta dívida super inflada tem permitido criar um universo alternativo que tem levado toda a espécie humana nesse caminho.

Ela criará um ambiente em que os recursos, cedo ou tarde, vão se acabar e isso vai acabar com grande parte da espécie humana, algo que acontecerá quando a bolha da dívida estourar.

É por esta razão que vemos tanto desespero e tanta distorção e manipulação econômica, desde a manipulação do preço e dos metais até a manipulação das dívidas.

Os bancos centrais farão todo o possível para manter isto em pé.

Isso é o que realmente trata esta incessável expansão das guerras por todas as partes.

As coisas vão ficar muito pior.

Por sua vez, o analista e escritor Daniel Stetler também tem uma forma bem gráfica de descrever a situação atual da economia mundial:

Daniel Stetler


Uma forma gráfica de ver é pensar em um enorme arranha-céu de dívida, construído sobre bases instáveis nas quais os bancos centrais bombeiam concreto continuamente em modo de emergência, para evitar que o edifício venha ao chão e ao mesmo tempo que isto acontece, os construtores vem adicionando andares adicionais no topo deste arranha-céu.

Todos vivemos agora um mundo de "Esquema Ponzi".

Vivemos com a esperança de sermos resgatados por outra pessoa. Vivemos com a esperança de que alguém venha e pague as nossas dívidas.

O problema é que a demografia nos diz que há menos pessoas entrando no esquema de ajudar as pessoas. Isso significa, por definição, que chegamos ao final deste esquema.

É o fim, está se aproximando o momento que a torre cairá.

É como com todos os acidentes, é mais fácil explicá-lo depois de acontecer do que predizer quando vá acontecer.

Mas é obvio que o fim está próximo.

Não estamos falando de outra recessão ou depressão ao estilo dos anos 30.

Quando todo este sistema baseado na dívida, o qual depende todo o sistema econômico mundial, se desmoronar, a onda de choque será violenta e será sentida em todas as partes.

Nenhuma nação sairá ilesa disso.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

108- XUXA ESTÁ CONVERTIDA!



O dinheiro compra tudo nesse mundo, principalmente a dignidade, e eu não estou falando da Xuxa, ela é uma empresária e apresentadora, mais uma trabalhadora e a empresa que apresentar uma proposta boa para ela será sua nova empresa.


O dinheiro comprou, mais uma vez, a dignidade do MAIOR FALSO PROFETA DO BRASIL: EDIR MACEDO, que pagará um salário milionário para a SATANISTA, segundo a FOLHA UNIVERSAL.

É realmente muito estranho que ha poucos anos atrás os falsos pastores da SEITA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS diziam para seus prosélitos que Xuxa era satanista, que suas músicas eram do diabo e que não era pra nenhum dos membros, ou obreiros, assistí-la! Mas, como num passe de mágica, Xuxa se converte aos olhos iurdianos e agora é de Deus! Tanto é de Deus que agora vai trabalhar na emissora sustentada por dízimos da lei e ofertas dadas por um povo que se auto intitula "de Deus"!

Qual argumento os falsos pastores, falsos bispos, falsos obreiros e os prosélitos iurdianos nos darão para essa notícia vergonhosa e ridícula?
E o filme "Amor, estranho amor" em que Xuxa protagonizou cenas com fazendo sexo com um menor de idade, será que a partir de agora não é mais pedofilia? Será que a rede Record irá exibir o filme?


Quando a apresentadora, o desenho, o filme é de outra emissora, EDIR MACEDO diz que é do diabo, mas num passe encantado, quando o apresentador, o desenho, o filme ou seja lá o que for passa para a rede RECORD...THARAN! Ele se converte e vira de Deus em questão de segundos!


Essa e tantos outros absurdos praticados por essa seita maligna só nos dão garantia e comprovações de que o que a UNIVERSAL  e seus líder, EDIR MACEDO, só se interessam por dinhero, por grana, negociata, lucros!
Isso comprova que a  UNIVERSAL é mesmo um trabalho maligno!


A seguir deixo minha opinião e peço explicações para o povo iurdiao sobre a contratação da "satanista" Xuxa pela rede do povo de Deus, a rede Record: